domingo, 13 de janeiro de 2013

A ROSA

Não me escondo de ti
Nem pergunto onde vais,
A rosa que me deixaste não morre,
Diz a rota que seguiste,
Apenas olho,
Se eu chorar
Não digo nada
Um dia não chorarei mais!
E voltarei a sorrir.

MENDUIÑA



Google+ Followers