sábado, 21 de julho de 2012

RASCUNHO

 Hoje abri as gavetas olhei, esvaziei,
Peguei os rascunhos da minha vida
Rasguei, sem saudades nem dor...
Apenas meu lamento pelos enganos,
Comecei a escrever meu presente...
Nele o amor está  em primeiro lugar,
Vou deixar registrado o quanto lutei
E amei....lutei pra te encontrar...
Depois o tive, lutei pra conservar,
Nem  esquecer nada, nem os dias ruins,
Dos momentos que vivemos juntos,
Brigamos, amamos, choramos juntos,
Mas óbvio, nosso amor era real...
Vou registrar os beijos na hora do amor
Das noites enluaradas, as estrelas a brilhar
Os passeios de mãos dadas, os olhares
Cúmplice só nosso, o calor do teu corpo
A me aconchegar...
Se um dia voltar a rasgar este rascunho,
Mais uma vez, tu estarás no próximo.

MENDUIÑA

 

Google+ Followers