segunda-feira, 23 de julho de 2012

ATÉ NO ALÉM














Hoje a luz já se vê, na lua nova...
Uma nesga bem clara e brilhante!
Ao bom poeta dá uma bela trova...
Sinto em meu coração por ser amante!

Amante porque te amo e isso me prova
O quanto é grande o amor, a todo instante!
Jamais serei no mundo um ser errante
Se o teu amor a mim ao meu aprova...

A luz que dessa lua me ilumina
É a mesma que ilumina a ti também,
Traçando para nós a mesma sina!

Louvo aos bons anjos, pois, dizendo amém,
Fazendo desse amor nossa doutrina
Aqui, ali, lá longe... Até no além!

Google+ Followers