segunda-feira, 26 de novembro de 2012

16 Faces

Prazer em conhecê-la, meu nome é...

Nunca sei como chamá-la...

Para cada face um nome,

Dome essa fome que ti consome

Que deste modo é impossível alcança-la

Lilith?! Primeira e única Dama da Noite Eterna

Sophia?! Clara e amostra como um buraco negro

Helena?! Guerras travadas pelo amor que ti governa

Capitu?! Quê guarda escondido os traços do vaso grego

Charlotte?! Será que eu iria ao ponto final

Marie ou Margarita?! Dois lados do mesmo espelho

Isolda?! Majestade do sorriso triste e divinal

My Lady?! Lhe conto que tenho o destino de um velho

Por hora não quero ser ingrato

E a delonga deste espetáculo acaba neste ato

Afinal de contas tudo se resume a um contrato

E o silêncio finda neste triste trato...

Google+ Followers