domingo, 8 de julho de 2012

Curtas + Domingo - Cléria Ivone + lfc

Se as poesias que li, me bastassem
Para que decantasse o meu amor por ti
Não rimaria com dor, sem cortesias
Nem compararia-ti as flores que vi

Amor, palavra curta e indiscritível
Muitas vezes ditas em todas as bocas
Da dor, parceira indivisível
Quantas tes estão ocas

Da tua fala, quero que venha a alma
Com o coração, a pena traga a tua emoção
Do carinho das tuas mãos com toda calma
Que se abra a luz sobre a solidão

Um Domingo perfeito é simples...

Acordar tarde, com a preguiça indolente do descanso
Ainda sonolento senti o calor do teu corpo amado ao meu lado
O olhar de resguardo da admiração sem que tu saibas
O abraço e beijo e um bom dia sem ti acordar

O friozinho do ar matinal da alvorada
O cheiro das poucas flores que restaram neste inicio de inverno
Caminhada até a padaria, e aquele cheirinho de pão quente
Aquele cheiro de café, ti veres chegar para o beijo de bom dia

Comer algo, um chimarrão para conversar ao sol que passa a esquentar
Passar a manhã só com o som da tua voz
Para o meio-dia, visitar alguns dos nossos, ou namorar

A tarde, ficar no sofá abraçado ver algum filme sem compromisso
Caminhada para qualquer lugar, só pra ti mostrar que é minha
Mas não importa o que for, se estiveres ao meu lado, pois "te amo"

Google+ Followers